Andre Penner/AP
Andre Penner/AP

Jogadores da seleção brasileira deixam hotel em Kazan sob aplausos

Avião do Brasil decolou às 11h50; elenco volta para o Rio de Janeiro, com chegada prevista para a manhã deste domingo

Estadão Conteúdo

07 Julho 2018 | 10h14

Os jogadores da seleção brasileira deixaram o hotel onde estavam hospedados, em Kazan, sob aplausos de torcedores neste sábado. Elenco e comissão técnica que representaram o Brasil na Copa do Mundo embarcaram às 11h50 (de Brasília) em voo que tem prevista uma escala em Madri, na Espanha, e chegará ao Rio de Janeiro na manhã deste domingo.

+ Brasil tem apagão no primeiro tempo, para na Bélgica e é eliminado da Copa

+ Edu Gaspar diz que 'não é fácil ser Neymar' e lamenta queda: 'Dor que sangra'

+ Saiba quais são os jogos e horários das semifinais da Copa do Mundo

Os primeiros a deixar o hotel foram os jogadores Alisson, Ederson, Cássio, Thiago Silva, Marquinhos, Filipe Luís, Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Willian e Firmino e o preparador de goleiros Taffarel. Além dos aplausos, torcedores brasileiros em Kazan cantavam músicas de apoio criadas durante a Copa.

Nesta sexta-feira, em Kazan, a seleção perdeu por 2 a 1 para a Bélgica e foi eliminada nas quartas de final do Mundial. Foram três vitórias, um empate e uma derrota na competição, com oito gols marcados e três sofridos. Na primeira fase, o Brasil empatou com a Suíça, por 1 a 1, e derrotou Costa Rica e Sérvia, nas duas oportunidades por 2 a 0, placar que se repetiu contra o México, nas oitavas.

O Brasil voltará a disputar uma partida ainda em 2018, no dia 8 de setembro, contra os Estados Unidos. O jogo amistoso está marcado para acontecer em Nova York. Ainda não está definido se Tite e a comissão técnica, que dirigiram a seleção na Copa, vão permanecer para o próximo ciclo de trabalho.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.