Jogadores do Atlético-PR lamentam reação corintiana

O Atlético-PR teve a chance de liquidar o confronto com o Corinthians, pela Copa do Brasil, na noite de quarta-feira, na Arena da Baixada. O time chegou a abrir vantagem de 3 a 0 e teve chances de marcar o quarto gol, mas acabou sofrendo dois nos minutos finais - e viu a torcida do adversário até comemorar a derrota por 3 a 2 no fim da partida. Os jogadores atleticanos lamentaram a reação do rival.

AE, Agencia Estado

30 de abril de 2009 | 10h28

"Tivemos um pouco de desatenção no final do jogo, o Corinthians usa muito bem os seus atacantes e nós sabíamos que eles faziam muito essas jogadas, mas bobeamos realmente no final", afirmou o atacante Wallyson, autor do primeiro gol do clube paranaense na partida.

Para o meia Marcinho, o time poderia ter matado o confronto, mas esbarrou em um adversário qualificado. "Nós buscamos o gol o tempo todo e poderíamos ter feito mais. Mas temos que ver que do outro lado tinha uma equipe de qualidade e muito boa. Mas o importante foi ver que com a simplicidade que demonstramos contra o Corinthians hoje, provamos que podemos vencer um time com grandes jogadores", disse.

O zagueiro Gustavo também lamentou os gols sofridos no fim, mas não se esqueceu de enaltecer o bom resultado conquistado em casa. "O Corinthians é uma das melhores equipes do Brasil e nós conseguimos fazer um bom jogo contra eles e vencemos mostrando qualidade. Ficamos tristes com essas duas falhas no final do jogo, mas o importante é a vitória."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.