Jogadores do Boca Juniors trocam socos durante treino

Jonathan Silva e Juan Manuel Insaurralde são expulsos da atividade pelo técnico Guillermo Barros Schelotto

Estadao Conteudo

14 Fevereiro 2017 | 14h50

Em crise desde a saída de Carlito Tevez, o Boca Juniors viu dois jogadores trocarem socos durante o treino tático desta terça-feira, em Buenos Aires. O jovem Jonathan Silva, de apenas 22 anos, e o veterano Juan Manuel Insaurralde, de 32, foram os responsáveis pela intensa pancadaria.

Ainda não está claro quem começou a briga, mas os dois, tidos de caráter forte pela imprensa argentina, estavam na mesma equipe durante o treino. A bola era disputada no outro lado do campo quando os defensores começaram a se agredir. Eles haviam trocado já alguns socos quando os primeiros companheiros tentaram separá-los, demorando a ter sucesso.

 

O técnico Guillermo Barros Schelotto se revoltou e criticou duramente os dois na frente de todo mundo. "Os dois, vão à m... Vão embora os dois e não quero que voltem mais, filhos da p...", disse, em alto em bom som. Depois, teria sido o responsável por tentar apaziguar os ânimos no vestiário.

O Boca Juniors ainda não anunciou se haverá punição para os jogadores. Insaurralde, aliás, é reincidente. Em 2010, ele se desentendeu com Jesús Méndez num treino e os dois trocaram chutes e empurrões.

A briga agora vem em péssimo momento para o Boca, que perdeu do pequeno Aldosivi, por 3 a 1, no sábado, em seu último jogo da pré-temporada. Durante a preparação para a temporada 2017, aliás, só ganhou do Estudiantes. Empatou com San Lorenzo, Alvarado e Chivas, tendo perdido também para o River Plate.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.