Jogadores do Brasil admitem a superioridade da França

A avaliação dos jogadores da seleção brasileira foi unânime: a França jogou melhor e mereceu vencer a partida deste sábado, em Frankfurt, pelas quartas-de-final da Copa do Mundo. O sentimento geral foi de decepção por sentir que o Brasil podia ter feito mais em campo. ?Poderíamos ter feito mais, todo o grupo sabe disso. Estamos decepcionados pelo resultado?, admitiu o volante Emerson, triste pela derrota por 1 a 0 para a França. ?Enfrentamos uma equipe que jogou melhor do que a gente.? ?A França mereceu vencer. Eles tiveram maior volume de jogo e o Zidane acabou desequilibrando, pois a maioria das jogadas passava pelo pé dele?, afirmou o capitão Cafu, que fez uma ressalva para mostrar a dificuldade encontrada dentro de campo. ?Mas a partida só foi decidida num lance de bola parada.? Para Juninho Pernambucano, que teve a chance no time titular no jogo deste sábado, o Brasil até que teve um momento de superioridade na partida. ?Começamos bem, mas não conseguimos manter?, lembrou o meia. ?No geral, a França foi uma equipe mais organizada, que teve mais posse de bola.? Bastante chateado, o meia-atacante Kaká revelou que é difícil explicar uma derrota como essa. ?Na cabeça do jogador passa um monte de coisas nessa hora. É uma sensação triste, difícil?, contou. ?Eles realmente jogaram melhor do que a gente.?

Agencia Estado,

01 Julho 2006 | 20h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.