Jogadores do Corinthians lamentam gols perdidos em Fortaleza

'Poderíamos ter matado a volta, sim', reclama o zagueiro William, autor do 1.º gol corintiano

Agência Estado

20 de março de 2008 | 00h29

O sentimento corintiano após a partida era de que poderia ter eliminado a partida de volta. Faltou um gol para abrir vantagem de dois e evitar o duelo de 3 de abril. "Poderíamos ter matado a volta, sim. O Fortaleza se atirou para cima de nós depois do segundo gol e criamos muitas chances", disse o capitão William, que fez um gol. Veja também: Corinthians consegue vitória de virada sobre o Fortaleza "Não seria nada demais se tivéssemos feito mais um gol. Tivemos bola na trave e acho que faltou o passe novamente. Às vezes é mais fácil passar para o companheiro mais bem colocado", falou o goleiro Felipe. O "apagão" da equipe no primeiro tempo, quando saiu perdendo e sofreu pressão, foi definido de maneira curiosa por Perdigão. "Parecia que estávamos olhando para o ar. Mas a entrada do Fábio Ferreira e a liberação dos laterais ajudou muito."

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansCopa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.