Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Jogadores do Corinthians minimizam possíveis baixas para estreia no Brasileiro

Time pode ter até seis desfalques no jogo contra o Bahia, domingo, pela primeira rodada do Nacional

João Prata, O Estado de S.Paulo

26 de abril de 2019 | 15h41

Os jogadores do Corinthians minimizaram os problemas para a estreia no Campeonato Brasileiro, domingo, contra o Bahia, na Arena Fonte Nova. No treino desta sexta-feira, seis atletas foram poupados: Fagner, Henrique, Danilo Avelar, Junior Urso, Gustagol e Boselli. 

Clayson, presente nos últimos jogos e confirmado para domingo, comentou sobre os problemas enfrentados por causa da maratona de jogos de Campeonato . "Já pudemos mostrar a força do grupo em duas oportunidades, com jogadores que saíram do banco para decidir, como Love e Vital. Temos um elenco muito qualificado, quem entra dá conta do recado e isso é importante. O Corinthians mostra mais uma vez que não depende de um ou dois jogadores e sim do grupo, o que é essencial."

O meia Sornoza, que deu assistência para o gol do título paulista, foi na linha do companheiro. "A gente tem um time, todo mundo tem de estar pronto, todo jogador que entrar tem de estar preparado, a oportunidade vai aparecer e precisa estar preparado, vamos precisar de todo mundo", comentou o meia.

O técnico Fábio Carille ainda não confirmou se os jogadores poupados irão para o jogo. Fagner ficou fora da atividade por desgaste físico. Boselli sentiu a coxa no final da partida contra a Chapecoense. Os outros quatro já haviam ficado de fora do último duelo.

Junior Urso é o que está há mais tempo fora, três jogos no total, por causa de dores no músculo adutor da coxa direita. Danilo Avelar tenta se recuperar de dores no joelho esquerdo, problema que o tirou do primeiro jogo da final contra o São Paulo, no Morumbi. Gustagol sofreu edema coxa direita e Henrique, um trauma na coxa direita.

Clayson admitiu o cansaço por causa dos últimos jogos decisivos, mas confirmou presença no domingo.  "Saí bem cansado, mas já foram dois dias, um de folga. Hoje já foi mais tranquilo e acho que vai dar para chegar 100% e jogar", comentou.

Sornoza é disparado o jogador que deu mais assistência na temporada, oito no total - Pedrinho, o segundo nesse quesito, tem quatro. No entanto, o equatoriano ainda não balançou as redes pelo time alvinegro. "Não saiu ainda, mas vou dar o meu melhor pra ele sair mais pra frente", afirmou.

O Corinthians volta a treinar no sábado pela manhã no CT Joaquim Grava e à tarde viaja para Salvador. O time entra em campo no domingo, às 16h, para enfrentar o Bahia pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. A provável escalação terá: Cássio; Fagner, Manoel, Pedro Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro e Sornoza; Pedrinho, Boselli e Clayson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.