Divulgação
Divulgação

Jogadores do Corinthians valorizam liderança após derrota

Atletas mantêm discurso otimista

O Estado de S.Paulo

17 de setembro de 2015 | 07h00

Os jogadores do Corinthians tentaram demonstrar otimismo depois da derrota por 2 a 1 diante do Internacional, quarta-feira, no Beira-Rio. Graças à vitória do Santos sobre o Atlético-MG, a equipe manteve os cinco pontos de vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro (54 a 49).

"Temos de levantar a cabeça, não tem nada perdido. Todo mundo tentou, mas a diferença de pontos é a mesma”, afirmou o zagueiro Gil.

Para o meia Jadson, o fim da invencibilidade de 17 pontos não pode abalar a equipe. “Temos de continuar com os pés no chão, trabalhando firme. Foi um jogo difícil. Cometemos alguns erros que foram definitivos, mas o campeonato é assim mesmo”, disse.

O goleiro Cássio também minimizou a derrota em Porto Alegre. “Tivemos muitos erros coletivos, mas não é para se desesperar. A vantagem na liderança é a mesma”, disse.

O Corinthians busca a reabilitação no domingo, quando faz o clássico com o Santos, no Itaquerão. Todos os ingressos já foram vendidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.