Divulgação
Divulgação

Independiente usará viagra para combater a altitude

Argentinos pegam o Santa Fé, da Colômbia, pela Sul-Americana

EFE

27 de outubro de 2015 | 18h13

Os jogadores do Independiente, da Argentina, utilizarão viagra antes da partida contra o Independiente Santa Fé, da Colômbia, nesta quinta-feira, pela volta das quartas de final da Copa Sul-Americana, para combater os efeitos da altitude.

"O sildenafil (composto com que é feito o medicamento) ajuda na circulação pulmonar. Ao chegar mais sangue aos pulmões, é produzida melhoria na adaptação", afirmou Luis Chiaradía, médico do time vermelho, à Rádio Argentina.

A partida acontecerá no estádio El Campín, em Bogotá, a 2.600 metros de altitude. Segundo o especialista, o uso do viagra pelos atletas acontecerá na véspera e no dia do compromisso.

O artifício já foi utilizado por San Lorenzo e River Plate em competições continentais. De acordo com Chiaradía, os exemplos bem-sucedidos motivaram o uso do viagra.

"Viajamos para Cali primeiro e, no dia do jogo, vamos para Bogotá. Eles irão tomar 50 miligramas de sildenafil na véspera, e outros 50 miligramas no dia da partida", explicou.

Na ida, em Buenos Aires, o time da casa perdeu por 1 a 0. A voltar acontecerá nesta quinta-feira, às 22h (horário de Brasília).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.