Jogadores do Levante entram em greve na Espanha

Time cobra salários do mês de março, extra de Natal e pagamento de aluguel de imóveis, todos atrasados

EFE

17 de abril de 2008 | 10h35

Nesta quinta-feira, o grupo de jogadores do Levante, lanterna do Campeonato Espanhol, anunciou uma greve para pressionar o clube a pagar dívidas com os jogadores. Na entrevista coletiva que contou com a presença de todos o elenco, Luis Rubiales, capitão do time, afirmou que o movimento conta com a adesão de todos os jogadores. Além disso, alguns atletas vestiam camisas com os dizeres "Solução já, chega de mentiras". Segundo a carta, o objetivo da greve é "pressionar o clube para conseguir uma solução". As dívidas do Levante com os jogadores são relativas ao pagamento do salário extra do Natal e o do mês de março, além de premiações pela campanha da temporada passada, despesas com imóveis e cláusulas individuais dos contratos. 

Tudo o que sabemos sobre:
LevantegreveCampeonato Espanhol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.