Jogadores do Logroñés tiram a roupa

O elenco do Logroñés, time tradicional da Espanha, atualmente na Terceira Divisão, tirou a roupa para protestar contra a situação do clube. Depois que briga entre o clube e a prefeitura de Logroño interditou o estádio municipal, o Logroñés ficou sem campo para jogar e treinar. A solução encontrada foi uma sessão de fotografias, publicada pelo semanário Interviú (www.zetainterviu.com), em que os jogadores aparecem sem roupas, numa alusão à precariedade do momento, apenas pintados com faixas brancas e vermelhas, as cores do clube. "Estamos fartos de treinar em um parque. Nos sentimos perseguidos", diz o capitão do time, Raúl Llona. Fundado em 1940, o Logroñés está em situação delicada, com salários atrasados e dívida de 8 milhões. Segundo o clube, há um acordo firmado com o prefeito Julio Revuelta, e válido por 50 anos, para que as chaves do estádio Las Gaunas, que abrigou jogos da Copa do Mundo de 82 e está fechado desde agosto, sejam conferidas ao time.

Agencia Estado,

25 de outubro de 2004 | 20h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.