Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

Jogadores do Santos convocam torcida para jogo na Vila Belmiro

Atletas esbanjam confiança para a final do Paulista semana que vem

O Estado de S. Paulo

26 de abril de 2015 | 18h28

A derrota por 1 a 0 sofrida contra o Palmeiras não parece ter abalado o Santos. Logo após o apito final da partida que ocorreu no Allianz Parque, neste domingo, os jogadores foram cumprimentar a torcida que compareceu no setor visitante do estádio e convocá-los para o jogo decisivo que acontece semana que vem, na Vila Belmiro.

Perguntado ao fim do jogo sobre a reação dos jogadores, o zagueiro David Braz acredita que o Santos tem condições de reverter o resultado. "Estávamos incentivando a torcida para ir a Vila Belmiro. Vai ser difícil, mas temos que estar unidos para vencer o Paulista".

Levando o revés no primeiro tempo com gol de Leandro Pereira, o time praiano se viu em situação mais difícil após a expulsão de Paulo Ricardo por pênalti. Mesmo com as mudanças de última hora, Geuvânio afirma que a equipe soube se comportar e contou com a sorte após o chute na trave de Dudu. "A gente abriu um pouco da nossa proposta para poder marcar. Mas vamos corrigir para vencer semana que vem", disse.

Para o jogo do próximo domingo, Ricardo Oliveira vê o time com totais condições de reverter o placar e ser campeão em casa. "A confiança existe sempre. A gente tem essa capacidade para reverter. Temos a diferença para tirar e com a nossa torcida, vamos com tudo para cima na Vila".

Para ser campeão, o Santos precisa derrotar o Palmeiras por dois gols de diferença. Caso aconteça uma vitória por um placar mínimo, o campeão paulista de 2015 será descoberto nas cobranças de pênaltis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.