Divulgação
Divulgação

São-paulinos culpam erros de finalização por derrota no Mineirão

'Tivemos 7 chances antes do 1 a 0', diz Thiago Mendes

CIRO CAMPOS, Estadão Conteúdo

30 de julho de 2015 | 14h49

O São Paulo culpou os erros de finalização pela derrota por 3 a 1 para o Atlético-MG, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Brasileiro. No desembarque do time nesta quinta, no aeroporto de Congonhas, poucos jogadores aceitaram falar e quem topou dar entrevista disse que o resultado em Belo Horizonte foi injusto.

"Tivemos umas sete chances de gol antes do time deles sair na frente. Infelizmente pecamos nas finalizações", comentou o volante Thiago Mendes, que atuou como ala direito na derrota no Mineirão. "O time estava bem em campo. Só que a equipe deles teve chance e concluiu a gol", acrescentou.

Os três gols do Atlético-MG foram marcados no primeiro tempo, todos pelo argentino Lucas Pratto. Na etapa final o São Paulo descontou com Alexandre Pato e ainda Rogério Ceni fez duas boas defesas e evitou o quarto gol.

O voo que trouxe o time atrasou cerca de duas horas pela falta de condições meteorológicas e o elenco passou rapidamente pelo saguão do aeroporto. O meia Boschilia evitou falar sobre a possibilidade de deixar o São Paulo e se transferir para o Mônaco. "Deixo isso para o meu empresário. Só penso em continuar jogando".

O meia Paulo Henrique Ganso não quis dar entrevista e foi criticado por um torcedor presente no aeroporto. O camisa de 10 voltou ao time em Belo Horizonte após cumprir suspensão contra o Cruzeiro e, no seu melhor momento no jogo, chutou uma bola na trave, ainda no primeiro tempo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCThiago Mendes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.