Rubens Chiri / São Paulo
Rubens Chiri / São Paulo

Jogadores do São Paulo destacam apoio da torcida no Morumbi

Clube paulista tem a segunda melhor média de público do Campeonato Brasileiro

Renan Cacioli, O Estado de S. Paulo

20 Agosto 2018 | 18h53

A torcida do São Paulo passou boa parte de 2017 comparecendo ao Morumbi para empurrar o time na briga contra o rebaixamento. Neste ano, a missão é bem mais agradável, dada a campanha que levou o time a fechar o primeiro turno do Campeonato Brasileiro com a melhor campanha do clube na história dos pontos corridos. O apoio dos fãs não passou despercebido pelos jogadores.

"Impressionante o apoio que o torcedor tem demonstrado", afirmou o zagueiro Arboleda. "Já chegamos ao estádio incentivados pelos torcedores, que fizeram a já tradicional festa na entrada do ônibus. E foi assim que conseguimos marcar o primeiro gol logo no começo da partida, porque o nosso time entrou ligado no jogo em busca da vitória", acrescentou o equatoriano, referindo-se à vitória do último domingo sobre a Chapecoense, por 2 a 0, que garantiu à equipe de Diego Aguirre o título simbólico do primeiro turno.

"Falta muita coisa ainda, estamos apenas na metade do campeonato, mas o torcedor está ao nosso lado e tenho certeza de que será assim até o final", comentou o meia-atacante Diego Souza, artilheiro do São Paulo no ano ao lado de Nenê, com 11 gols cada.

Diante da Chape, mais de 40 mil tricolores compareceram ao estádio para acompanhar a partida. O São Paulo é dono da segunda maior média de público pagante do campeonato: 33.068 por jogo no Morumbi. Fica atrás apenas do Flamengo, que tem levado 47.876 fãs aos seus confrontos. 

O próximo desafio do time será fora de casa: nesta quarta, encara o Paraná, às 19h30, no Estádio Durival Britto, em Curitiba – no primeiro turno, o São Paulo venceu os paranaenses por 1 a 0, com gol de Bruno Alves.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.