Jogadores do São Paulo vão a hospitais visitar feridos em acidente

Elenco entrega presentes e demonstro apoio para torcedores

O Estado de S. Paulo

13 de maio de 2016 | 20h33

Os jogadores do São Paulo visitaram em hospitais as vítimas do acidente na última quarta-feira, no Morumbi, quando um guarda-corpo cedeu e cerca de 25 torcedores caíram no fosso do estádio durante jogo da Copa Libertadores. Parte do elenco se dividiu em três grupos para acompanhar a recuperação dos três são-paulinos que continuam internados em recuperação de fraturas sofridas na queda.

O meia Michel Bastos, o volante Kelvin, o meia Ganso e o atacante Kelvin foram visitar Davi, de 11 anos. O garoto sofreu três fraturas no rosto e na visita, ganhou camisas autogradas e posou para fotos juntos com os atletas. Michel Bastou publicou a imagem no seu perfil em uma rede social.

Em São Caetano do Sul, oos atacantes Calleri e Alan Kardec, o meia Lucas Fernandes e os zagueiros Lucão e Lyanco também foram visitar um torcedor hospitalizado. Outro grupo de jogadores que saiu para ver seguidos do clube foi formado pelo zagueiro Lugano, o volante Hudson e o goleiro Denis. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.