Jogadores minimizam vantagem do Palmeiras nos últimos duelos com o Fluminense

Palmeiras e Fluminense se enfrentam nesta quarta-feira, às 22 horas, no estádio do Maracanã, pela terceira vez na temporada. Nos outros dois jogos, o time paulista levou a melhor e venceu de virada - 2 a 1 e 4 a 1. E o último jogo acabou sendo traumático para os cariocas.

DANIEL BATISTA, Estadão Conteúdo

21 de outubro de 2015 | 08h25

No dia 16 de setembro, no Maracanã, palco da partida desta quarta-feira pelas semifinais da Copa do Brasil, Lucas Barrios deu show e comandou a vitória. Jean abriu o placar, o argentino marcou três gols e Gabriel Jesus também deixou o seu. A derrota culminou na demissão de Enderson Moreira.

Além disso, alguns jogadores perderam espaço após a fraca atuação. É o caso, por exemplo, do zagueiro Antônio Carlo, que falhou no terceiro gol, e passou várias rodadas sem figurar nem mesmo no banco de reservas do Fluminense. Outro que também perdeu prestígio foi o volante Edson, que era titular absoluto, mas começou a ser deixado de lado. Desde que Eduardo Baptista chegou ao clube, ele se tornou reserva.

Nos dois lados, os jogadores deixam claro que o ambiente e a situação do jogo desta quarta-feira é totalmente diferente do que ocorreu nas outras duas partidas disputadas na temporada. "Agora é um jogo de mata-mata, que será bastante complicado e teremos que entrar bem ligados", alertou o atacante do Palmeiras, Gabriel Jesus.

Para Gum, que não jogou no último encontro, o Fluminense vivia um momento muito mais delicado do que o atual. "É uma outra história e são momentos diferentes. Nosso momento não era bom e o resultado acabou sendo elástico, circunstâncias de jogo", analisou o defensor, que deverá atuar ao lado de Marlon.

No primeiro turno do Brasileirão, o Palmeiras também levou a melhor e venceu por 2 a 1. Jean - de novo - fez o gol para o time carioca enquanto Rafael Marques e Cristaldo - aos 45 minutos do segundo tempo - garantiram a vitória. Sobre esse jogo, disputado no dia 14 de junho, o argentino falou do que mais lembra da partida. "Do golaço que eu fiz", brincou.

O segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil será disputado na quarta-feira que vem, no Allianz Parque. A CBF confirmou o local da partida, após o Palmeiras admitir que poderia mandá-lo Pacaembu, já que a data seria próxima de alguns shows realizados na sua arena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.