Georgi Licovski/EFE
Georgi Licovski/EFE

Jogando pelo empate, Portugal poupa titulares diante da eliminada Nova Zelândia

Fernando Santos decide levar time misto para última rodada da fase de grupos da competição russa

Estadão Conteúdo

24 de junho de 2017 | 06h46

A seleção de Portugal precisa apenas de um empate contra a Nova Zelândia, neste sábado, às 12 horas (de Brasília), no estádio Krestovsky, em São Petersburgo, na Rússia, pela terceira e última rodada do Grupo A, para se garantir na semifinal da Copa das Confederações.

E como jogará com um time já eliminado e que não somou nenhum ponto na competição, o técnico Fernando Santos poupará os seus principais jogadores e escalará uma equipe majoritariamente formada por reservas. A principal dúvida fica pela presença do astro Cristiano Ronaldo.

"Vai haver alguma rotação, consoante a minha análise e a condição dos jogadores. Tenho um grupo de trabalho em que confio em absoluto", explicou Fernando Santos, detalhando que os atletas estão desgastados por se tratar de um final de temporada. Sobre Cristiano Ronaldo, ele despista: "Há mais de 4,5 milhões (de portugueses) que querem ver Portugal e o Ronaldo. Todos querem ver Cristiano Ronaldo, até eu".

Portugal soma quatro pontos na chave, os mesmos do México e um a mais do que a Rússia, seleções que se enfrentam também neste sábado no mesmo horário. Assim, um empate garante o time na segunda colocação independentemente do resultado da outra partida.

A Nova Zelândia, por sua vez, após perder os seus dois primeiros jogos, tenta sair com a moral elevada da Copa das Confederações. Nada melhor, assim, do que derrotar a seleção portuguesa, atual campeã europeia.

"Ninguém do nosso time está intimidado. Portugal é um grande time, mas estamos ansiosos para enfrentá-los", assegurou o técnico Anthony Hudson. "Temos alguns jovens jogadores realmente bons e esse time tem muito a se desenvolver. Precisamos de mais jogos e torneios como esse".

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.