Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

'Jogo como se estivesse no meu bairro', diz Patrick após vitória do Palmeiras

Volante voltou a ser decisivo ao marcar o gol que decretou o triunfo no clássico contra o Santos

Redação, Estadao Conteudo

23 de agosto de 2020 | 18h44

Patrick de Paula está acostumando a ser decisivo em clássicos. Após bater o pênalti na final do Campeonato Paulista que decretou o título do Palmeiras diante do Corinthians, o jovem volante da equipe alviverde, neste domingo, marcou o gol da vitória frente ao Santos, o primeiro triunfo em clássicos da equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo na temporada de 2020.

Após o título do Paulistão, Vanderlei Luxemburgo havia afirmado que Patrick de Paula não sente pressão de vestir a camisa do Palmeiras. Destaque novamente, agora contra o Santos, o volante foi de acordo com o discurso do treinador.

"Nosso time está se comportando bem, não só eu, mas a equipe toda. Cabeça muito boa, apesar de ter 20 anos, estou tranquilo. Jogo como estivesse jogando no meu bairro, claro, com muita responsabilidade", falou o jogador.

A vitória tira a pressão de cima do Palmeiras e de Vanderlei Luxemburgo, que vinha sendo muito criticado, sofrendo protestos até mesmo após ter vencido o Athletico-PR, em Curitiba, no meio da semana. Patrick de Paula garantiu que o clube está preparado para jogar de igual para igual com qualquer time do Brasileirão.

"Estou muito feliz pela vitória, uma vitória para a torcida palmeirense, estamos preparados para todos os jogos", finalizou o jogador, que marcou o seu primeiro gol na competição.

Invicto no Brasileirão, o Palmeiras alcançou oito pontos, ficando quatro atrás do líder Internacional, mas ainda com um jogo por fazer, frente ao Vasco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.