Friso Gentsch/ EFE
Friso Gentsch/ EFE

Jogo na Alemanha é paralisado após juiz ser atingido por isqueiro

Em partida da Copa, árbitro Martin Peterson é acertado na cabeça

O Estado de S. Paulo

10 de agosto de 2015 | 17h18

Um jogo da Copa da Alemanha entre dois times de divisões inferiores do país foi interrompido no segundo tempo, nesta segunda-feira, em Frankfurt, depois do árbitro da partida ser atingido na cabeça por um isqueiro atirado por um torcedor.

Martin Petersen não pareceu ter se machucado de forma mais grave no incidente, mas ordenou que as duas equipes fossem ao vestiário aos 26 minutos do segundo tempo. Naquele momento, o Osnabrueck, que jogava em casa e hoje integra a terceira divisão nacional, estava vencendo o Leipizig, da segunda divisão, por 1 a 0.

Antes da ocorrência do incidente, Halil Savran abriu o placar do confronto já aos 23 segundos de partida. O isqueiro atirado em campo que acertou o árbitro saiu de um setor no qual estavam torcedores do time da casa.

Com a agressão ao árbitro, mesmo com a vitória parcial conquistada dentro de campo o Osnabrueck corre o risco de ser punido e acabar eliminado já nesta primeira fase da Copa da Alemanha, que contou com a disputa de outros três jogos nesta segunda.

Em um deles, o Borussia Mönchengladbach goleou o St. Pauli por 4 a 1, fora de casa, e assegurou classificação à próxima fase do torneio nacional. Apoiado pelos seus torcedores, o time local, da segunda divisão do país, chegou a ir para o intervalo vencendo por 1 a 0, com um gol de Rzatkowski. Na etapa final, porém, o Borussia virou com dois gols de Lars Stindl, um de Ibrahima Traore e outro de Thorgan Hazard. 

Já o Hertha Berlin avançou ao vencer o Arminia Bielefeld, hoje da segunda divisão alemã, por 2 a 0, fora de casa, com gols de Salomon Kalou e Vladimir Darida no segundo tempo. O Nuremberg, atualmente no segundo escalão do país, precisou dos pênaltis para eliminar o Aalen, da terceira divisão, após empate por 0 a 0 no tempo normal, também longe dos seus domínios. E as penalidades acabaram com o placar de 2 a 1, após vários erros nas cobranças.


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.