Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Jogo no Pacaembu quase foi transferido

O clássico de hoje à noite entre Corinthians e Inter começou com 51 minutos de atraso e esteve a ponto de ser transferido. A ameaça de cancelamento ocorreu por conta de pane na rede elétrica que atingiu parte do bairro do Pacaembu e do próprio estádio. Metade dos refletores apagou dez minutos antes do início do jogo e tornou a iluminação muito precária. Os times estavam entrando em campo quando ocorreu o problema. O árbitro Sérgio Cristiano Nascimento, do Rio, imediatamente chamou os responsáveis pela administração e ficou sabendo que a falha era geral e não apenas localizada. Equipes da Eletropaulo, empresa que cuida da iluminação pública de São Paulo, foram chamadas para a região e garantiram que a falha seria superada em pouco tempo. "Não posso prejudicar os times nem o público", avisou o juiz. "Vou esperar." O tempo de espera alterou também o aquecimento dos jogadores. Por orientação dos preparadores físicos, as duas equipes voltaram para os vestiários, onde fizeram exercícios complementares. "A alteração é ruim para todos e não só para o meu time", ponderou o técnico Muricy Ramalho. O treinador do Inter, no entanto, era favorável à espera e não à transferência de data do clássico. Geninho sofreu desgaste adicional. Parte da torcida Gaviões da Fiel comprou ingressos de numerada, para ficar atrás do banco do Corinthians e pressionar o treinador.

Agencia Estado,

24 de agosto de 2003 | 19h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.