Amanda Perobelli
Amanda Perobelli

'Joia uruguaia', Gonzalo Carneiro prevê estreia rápida no São Paulo

Atacante canhoto foi apresentado como uma das grandes revelações do futebol uruguaio, mas está contundido

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

09 de abril de 2018 | 15h38

O atacante uruguaio Gonzalo Carneiro foi apresentado na tarde desta segunda-feira como novo reforço do São Paulo. Raí, diretor de futebol do clube, afirmou que o atacante de 22 anos é "uma das grandes revelações do futebol uruguaio nos últimos anos". O evento contou com a presença do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

Aguirre ajusta São Paulo visando Copa Sul-Americana

+ Recuperados, Valdívia e Anderson Martins voltam aos treinos no São Paulo

Gonzalo Carneiro assinou contratou por três anos. Com grande prestígio no Uruguai, onde atuava pelo Defensor, Carneiro é a nova aposta da diretoria para solucionar os problemas ofensivos do São Paulo. Ele não atua desde novembro por causa de uma pubalgia, mas prevê uma estreia rápida. "Eu fiz um trabalho à parte com um preparador do Nacional. Cheguei muito bem e sem dores. Tenho uma adaptação, mas não vai demorar", afirmou o novo reforço.

Gonzalo revela que prefere ser chamado pelo primeiro nome e revelou o apelido "Joia". "Sempre me chamaram de Gonzalo. Por ser parecido com Abel Hernandez, eles (os torcedores) me chamavam de "La Joya" (a joia, em português)", afirmou Gonzalo, que se define como um jogador "mais técnico do que físico e veloz".

Indicado por Diego Lugano, atual superintendente de relações institucionais, Carneiro revelou a influência do ex-zagueiro, capitão da seleção uruguaia por muitos anos, em sua decisão de atuar no Brasil. "Isso facilita a entender e ajuda a orientar, a me acostumar a jogar aqui", disse o atacante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.