Joinville e Tupi empatam por 1 a 1 e seguem na zona de rebaixamento da Série B

Equipes continuam com o mesmo número de pontos na tabela: 23

Estadão Conteúdo

09 de setembro de 2016 | 21h26

O Joinville tentou, tentou e tentou, mas não conseguiu reencontrar o caminho das vitórias nesta sexta-feira ao empatar com o Tupi por 1 a 1, na Arena Joinville, em Joinville (SC), pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O resultado não foi bom para nenhum dos dois times, que continuam em situação delicada.

Esse empate não mudou muita coisa na tabela de classificação porque os dois times continuam na zona de rebaixamento, empatados com 23 pontos. O Joinville é o penúltimo colocado e o Tupi está em 18.º lugar, pois o clube mineiro leva vantagem no número de vitórias: seis contra cinco.

O primeiro tempo foi dominado pelo Joinville, já que o Tupi jogava com praticamente todos os jogadores para trás do meio de campo. E o time da casa só não abriu o placar porque o goleiro Rafael Santos fez duas grandes defesas, em desvio de Jael e chute colocado de Bruno Farias. Os visitantes levaram perigo apenas nos minutos finais. Na melhor oportunidade, Gabriel Santos bateu e o goleiro Jhonatan segurou sem dar rebote.

Logo aos nove minutos do segundo tempo, Luiz Paulo cruzou, a defesa não afastou e Jonathan abriu o placar para o Tupi. Isso deixou a torcida ainda mais impaciente. O Joinville partiu com tudo para o ataque, mas esbarrava no nervosismo, até que o empate saiu aos 26. Juninho recebeu nas costas da defesa, dominou e bateu no ângulo. A partida seguiu aberta e, no último lance, Rafael Santos foi buscar falta cobrada por Juninho.

Os dois times voltam a campo nesta terça-feira pela 25.ª rodada. O Tupi recebe o Londrina, às 19h15, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG), enquanto que o Joinville enfrenta o Náutico, no mesmo horário, novamente na Arena Joinville, em Joinville.

FICHA TÉCNICA

JOINVILLE 1 x 1 TUPI

JOINVILLE - Jhonatan; Reginaldo, Danrlei, Ligger e Fernandinho; Naldo, Paulinho Dias (Juninho), Bruno Farias (Thomás) e Bruno Ribeiro; Giva (Aldair) e Jael. Técnico: Lisca.

TUPI - Rafael Santos; Henrique (Hiroshi), Gabriel Santos, Thiago Sales e Bruno Costa; Renan Teixeira, Marcos Serrato, Vinícius Kiss, Jonathan e Luiz Paulo (Rubens); Octávio (Recife). Técnico: Estevam Soares.

GOLS - Jonathan, aos 9, e Juninho, aos 26 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Ligger e Bruno Ribeiro (Joinville); Renan Teixeira e Rubens (Tupi).

ÁRBITRO - Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ).

RENDA - R$ 34.780,00.

PÚBLICO - 3.147 pagantes.

LOCAL - Arena Joinville, em Joinville (SC).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.