Joinville recebe o Vasco e pode ser rebaixado à Série B mesmo com vitória

O Joinville recebe o Vasco neste domingo, às 17 horas, em sua Arena, no duelo que pode rebaixar as duas equipes ao término da antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro. O time catarinense é o lanterna da competição com 31 pontos, a sete de deixar a zona de rebaixamento, e pode cair para a Série B mesmo com uma vitória. O Vasco é o penúltimo, com 34.

Estadão Conteúdo

22 de novembro de 2015 | 07h14

A situação é a seguinte: para adiar a queda por mais uma rodada, o Joinville precisa dos três pontos e ainda torcer por tropeços do Avaí (16.º, com 38) ou do Figueirense (15.º, com 39). Eles enfrentam, respectivamente, Fluminense (fora de casa) e Chapecoense (em casa). Se as duas equipes passarem dos 40 pontos, o Joinville está matematicamente na Série B.

Ciente que a equipe só se livrará do rebaixamento por um milagre, o goleiro Agenor falou em buscar as três vitórias que restam para honrar a camisa do clube. "Temos de reconhecer que erramos bastante durante o campeonato e procurar fazer nos últimos jogos uma sequência boa. Necessitamos de força, de saber que o campeonato não acabou ainda. Temos três confrontos para ao menos terminar com dignidade. Tem o nome do Joinville em jogo e de cada um em campo. Ninguém quer manchar mais o nome", comentou.

O técnico PC Gusmão faz mistério com a escalação e revelou apenas que fará mudanças em relação à derrota para o Avaí por 2 a 1. Na lista de relacionados, as principais novidades foram as presenças do atacante Adriano e do meia Jhonatan, que vieram das categorias de base. "Vou mudar sim, não vou dizer qual mudança porque ainda não tenho totalmente a certeza e não quero atrapalhar o trabalho de vocês (jornalistas)", disse o treinador.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoJoinville

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.