Joinville vence Botafogo por 3 a 2

O Botafogo deixou escapar a chance de voltar à liderança do Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite deste sábado em Joinville, no interior catarinense, o time carioca perdeu por 3 a 2 para o Joinville e continua um ponto atrás - 33 a 32 - do Palmeiras e na vice-liderança do campeonato.O Joinville começou melhor a partida, jogando no ataque já que somente a vitória seria interessante para o time fugir das últimas posições. E, necessitando do resultado, o JEC foi mandando no jogo, criando as melhores chances de gol. O Botafogo tinha dificuldades em trocar passes e suas jogadas eram na base do passe longo, sem qualquer criatividade. O time carioca teve somente duas chances de gol, em duas cobranças de falta de Camacho.Pressionando, o Joinville abriu o marcador aos 36 minutos. Após um cruzamento da direita, em uma cobrança de falta, a zaga do time carioca ficou apenas olhando Marlon, sem qualquer marcação, mandar a bola para o fundo do gol.No final, aos 44 minutos, o Botafogo somente não chegou ao empate pois Edivaldo falhou na conclusão, perdendo um gol feito ao chutar errado para fora do gol, após boa troca de passes do ataque botafoguense.Na etapa complementar, o Joinville melhor em campo, foi pra cima do time carioca. Logo aos seis minutos, o Joinville ampliou o marcador com Paulinho escorando de cabeça um cruzamento do lateral Zé Carlos, ex-seleção brasileira, em uma cobrança de falta da direita. O time catarinense ainda quase chegou ao terceiro gol aos nove minutos, mas o juiz Fabiano Gonçalves marcou impedimento de Marlon, que chegou a mandar a bola para o gol.Mas uma mudança do treinador Levir Culpi fez o Botafogo renascer em campo. Levir colocou o atacante Almir no lugar do cabeça-de-área Fernando, deixando o time completamente ofensivo. E na base do "abafa", o Botafogo chegou ao primeiro gol. O zagueiro Kléber Goaino derrubou Dill dentro da área, aos 15 minutos. O pênalti foi marcado e o mesmo Dill foi para a cobrança e - com categoria - diminuiu o marcador.O Joinville sentiu o baque do gol marcado pelo Botafogo e caiu muito de produção, dando todo espaço para o Fogão crescer. E assim o Botafogo foi criando chances de gol e dominando a partida. Aos 29 minutos, Almir recebeu na entrada da área, na garra, driblou um zagueiro do JEC e mandou forte para o gol, empatando a partida. Mas a noite era de Paulinho que, mesmo quando o Botafogo era melhor na partida, fez o terceiro e decisivo gol do Joinville, aproveitando uma indecisão da fraca defesa do Botafogo, aos 37 minutos. Nos minutos finais, o Botafogo ainda fez de tudo para empatar, mas o JEC soube catimbar e segurar o resultado.Agora, faltando seis rodadas para o fim da primeira fase que apontará os oito classificados para a fase decisivo do Campeonato Brasileiro da Série B, o Joinville receberá o Avaí-SC, no clássico regional no próximo sábado. No mesmo dia, o Botafogo estará no interior paulista, enfrentando o Mogi Mirim, em Mogi Mirim. E sem os veteranos Fernando e Valdo, que receberam o terceiro cartão amarelo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.