Dennis Schneidler/USA Today Sports
Dennis Schneidler/USA Today Sports

Jonas perde pênalti e Juventus vence Benfica; Chelsea bate Inter de Milão

Sem Cristiano Ronaldo, time italiano triunfou nas penalidades após empate em 1 a 1 no tempo normal

Estadão Conteúdo

28 de julho de 2018 | 17h50

Ainda sem contar com Cristiano Ronaldo e alguns dos seus principais jogadores, a Juventus venceu o Benfica neste sábado, pela International Champions Cup, competição amistosa que envolve alguns dos principais times da Europa na pré-temporada. O time italiano venceu nas penalidades, após empate por 1 a 1 nos 90 minutos, em duelo realizado em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

+ David Silva relata 'período mais difícil da vida' após nascimento prematuro do filho

+ Em Cingapura, Arsenal goleia no reencontro de Emery com o PSG

+ Milionárias, vendas de revelações ajudam clubes a pagar contas

No duelo, o técnico Massimiliano Allegri ainda não contou com Cristiano Ronaldo, que segue de férias após defender a seleção portuguesa na Copa do Mundo da Rússia. Ele só deve estrear pela equipe de Turim no próximo mês.

Sem seus principais jogadores, o treinador da Juventus e o técnico português Rui Vitória aproveitaram a oportunidade para fazerem testes. Foram dez substituições para o Benfica ao longo do jogo, e 11 para a Juventus, que contou com o brasileiro Alex Sandro e o alemão Emre Can, reforço da equipe, somente no segundo tempo.

Pelo Benfica, Jonas também entrou apenas depois do intervalo. E teve desempenho decisivo nas penalidades, depois do empate no tempo normal - Alex Grimaldo abriu o placar aos 20 minutos do segundo tempo, em bela cobrança de falta, e Luca Clemenza empatou para a Juventus aos 39.

O atacante brasileiro do Benfica perdeu a sua penalidade, assim como Jorge Félix. A Juventus não desperdiçou nenhum cobrança e venceu o duelo por 4 a 2. O time italiano ainda jogará mais uma vez na competição amistosa, contra o Real Madrid, no dia 4 de agosto, em Washington. E o Benfica duelará com o Lyon, no dia 1º, em Faro, em Portugal.

Ainda neste sábado, Chelsea e Inter de Milão também empataram por 1 a 1 no tempo normal. E os ingleses levaram a melhor nas disputas de pênaltis, pelo placar de 5 a 4. Pedro abriu o placar aos 8 minutos e Roberto Gagliardini empatou para o time italiano aos 4 da segunda etapa.

Assim como as demais equipes, Chelsea e Inter testaram diversos jogadores. O time inglês contou com três brasileiros em campo. Além de David Luiz, ganharam oportunidades Lucas Piazon e Emerson Palmieri, os dois somente no segundo tempo.

OUTROS AMISTOSOS

Em outros jogos disputados neste sábado, os brasileiros balançaram as redes. Em sua estreia com a camisa do Everton, o atacante Richarlison marcou o único gol da equipe inglesa na derrota por 4 a 1 para o Rennes, da França. O brasileiro, ex-Fluminense, estava no Watford antes de ser contratado pelo time de Liverpool.

Também fora de casa, o West Ham obteve resultado melhor ao vencer o Ipswich Town por 2 a 1. Felipe Anderson marcou um dos gols dos ingleses, ao abrir o placar do confronto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.