Jordi festeja 1º clássico contra o Flamengo como profissional do Vasco

Atleta só havia sido titular contra o arquirrival em jogos da categoria sub-20

Redação, Estadao Conteudo

27 de março de 2017 | 21h54

Embora tenha exibido uma atuação um pouco instável, chegando até a fazer uma falta bisonha em um adversário, fora da área, em certo momento da partida, o goleiro Jordi festejou nesta segunda-feira o fato de ter podido participar, no último domingo, em Brasília, do seu primeiro clássico contra o Flamengo como profissional do Vasco.

Formado pela base vascaína, o atleta só havia sido titular contra o arquirrival em jogos da categoria sub-20. E agora, embora tenha levado dois gols, ajudou o seu time a empatar por 2 a 2 com os flamenguistas no estádio Mané Garrincha neste duelo válido pela Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca.

"Foi meu primeiro clássico contra o Flamengo na equipe profissional. É a realização de um sonho que eu tinha desde a base. Espero poder fazer muitos clássicos ainda. É muito bom poder viver isso tudo. Agradeço ao Vasco, ao (técnico) Milton Mendes e ao Fábio Tepedino (treinador de goleiros) pela oportunidade que me deram. Vou seguir trabalhando firme para poder dar muitas alegrias para o grupo e a torcida vascaína" disse Jordi, que ganhou a chance de atuar no clássico pelo fato de o titular Martín Silva estar com a seleção uruguaia que disputa as Eliminatórias da Copa.

O jogador, porém, lamentou o fato de Luis Fabiano ter sido expulso no clássico, o que permitiu ao Flamengo ter mais espaços para virar o placar para 2 a 1 antes de o Vasco empatar o confronto no finalzinho do segundo tempo, graças a um pênalti inexistente assinalado de forma errada pela arbitragem.

"Não foi o que nós esperávamos, queríamos a vitória. No primeiro tempo estávamos bem encaixados, preparados para segurar o ataque deles. Fizemos o 1 a 0 e mantivemos a postura. A expulsão gerou uma mudança, um jogador a menos faz muita diferença em um clássico contra o Flamengo. O grupo está muito unido. Estamos concentrados em um objetivo. Temos feito boas partidas, e contra o Boavista não vai ser diferente. Vamos buscar a vitória", completou o atleta, se referindo ao duelo de quinta-feira, às 21h30, em São Januário, pela próxima rodada da Taça Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoFlamengoJordi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.