Paulo Fernandes/ Vasoc
Paulo Fernandes/ Vasoc

Jorge Henrique minimiza fase ruim do lanterna ao projetar próximo jogo do Vasco

'A obrigação de vencer é nossa', diz o atacante

Estadão Conteúdo

18 de agosto de 2016 | 13h41

O técnico Jorginho comandou uma atividade tática na manhã desta quinta-feira e fez os últimos ajustes no Vasco para enfrentar o Sampaio Corrêa, sábado, no estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES), pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Mas, embora o Sampaio Corrêa seja o lanterna da competição e tenha sido goleado pelo Vasco no primeiro turno, por 4 a 0, mesmo atuando em casa, o atacante Jorge Henrique cobrou atenção do elenco e garantiu que o jogo não será fácil como o anterior.

"Tivemos uma grande exibição no Maranhão, mas não podemos achar que a próxima partida será da mesma forma", avaliou. "Sabemos que o adversário atravessa um momento que não é muito bom, está em último, e que a obrigação de vencer é nossa, mas temos que fazer bem o nosso jogo para merecer a vitória."

Jorge Henrique comentou ainda sobre a vontade de disputar novamente uma partida oficial - o último duelo do Vasco foi apenas em 2 de agosto, no empate com o Ceará, no Castelão, por 0 a 0.

Ainda assim, o atacante aprovou o tempo de treinamento e garantiu que o Vasco chega pronto ao segundo semestre. "É sempre bom treinar, estávamos precisando. Essa fase de preparação veio em boa hora, mas estamos com saudade de entrar em campo para disputar uma partida. Jogar é o principal. Estamos trabalhando firme para voltar bem, retornar com vitória", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.