Alexandre Vidal/Flamengo
Alexandre Vidal/Flamengo

Jorge Jesus indica time titular do Flamengo sem Éverton Ribeiro

Técnico português faz sua estreia em jogos oficiais na parida contra o Athletico-PR, nesta quarta-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

08 de julho de 2019 | 16h58
Atualizado 08 de julho de 2019 | 22h14

Na reta final da intertemporada para a retomada das competições após a Copa América, o técnico do Flamengo, Jorge Jesus, já indicou o que poderá ser a escalação inicial da equipe na partida desta quarta-feira, contra o Athletico-PR, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Em atividade tática realizada no Ninho do Urubu, o português deixou o meia Éverton Ribeiro de fora do time titular. Veja onde assistir Athetico-PR x Flamengo

O camisa 7 está recuperado de uma lesão no tendão calcâneo direito, mas ficou entre os reservas durante os cerca de 15 minutos em que o treino desta segunda-feira esteve aberto para a imprensa no CT do clube.

Já o colombiano Cuéllar e o uruguaio Arrascaeta, que estiveram com suas seleções na Copa América e foram apresentados ao treinador na semana passada, além do lateral-direito Rafinha, novo reforço do clube, que veio do Bayern de Munique, receberam os coletes de titular.

Assim, na atividade, um posicionamento tático que só contou com jogadores de linha, em relação ao jogo-treino realizado na Gávea contra o Madureira, no último dia 29, saíram o lateral-direito Rodinei, o volante William Arão e o meia Lucas Silva. O time foi escalado, então, com Rafinha, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Vitinho, Diego e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa.

De acordo com os últimos treinamentos, a proposta de Jorge Jesus deve ser a de montar um esquema num 4-1-3-2, com apenas um volante de ofício e três meias se alternando entre o apoio à marcação e a criação de jogadas para os dois avançados.

Se esta for mesmo a formação para o jogo diante do Athletico-PR, nesta quarta-feira, às 21h30 na Arena da Baixada, o time finalmente deixará para trás o esquema 4-3-3, que pouco variou e vem sendo adotado há cerca de quatro anos por diversos técnicos que já comandaram a equipe neste período.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.