Diego Vara/Reuters
Diego Vara/Reuters

Jorge Jesus rebate Renato Gaúcho antes de semifinal: 'Flamengo joga melhor'

Na Libertadores, treinador português alfineta comandante do Grêmio e exalta futebol da equipe carioca

Redação, O Estado de S. Paulo

29 de agosto de 2019 | 09h51

Os técnicos Renato Gaúcho, do Grêmio, e Jorge Jesus, do Flamengo, começaram na madrugada desta quinta-feira uma polêmica mesmo semanas antes de se encontrarem na semifinal da Copa Libertadores. Após o treinador da equipe gaúcha dizer na terça-feira que a sua equipe tem o melhor futebol do Brasil atualmente, o adversário respondeu logo depois, ao dizer que na verdade esse posto pertence ao Flamengo.

A rivalidade entre as duas equipes teve início em Porto Alegre, onde o Flamengo empatou por 1 a 1 com o Inter, no Beira-Rio, e garantiu classificação à semifinal da Copa Libertadores depois de 35 anos de ausência. Na entrevista coletiva, o português Jorge Jesus foi questionado sobre a declaração de Renato Gaúcho, que exaltou o futebol da equipe após garantir a vaga com uma vitória sobre o Palmeiras.

Jesus disse que pelo Flamengo ser o líder do Campeonato Brasileiro, deve ser considerado como o time de melhor futebol. "Ninguém que joga mais bonito está atrás. Mas jogar melhor é subjetivo. Uma coisa é jogar bonito, outra é melhor. Mas aceito a opinião dele (Renato Gaúcho). Para mim, quem joga melhor é o Flamengo", afirmou o treinador português.  

No dia anterior, ainda sem saber que jogaria contra o Flamengo, Renato Gaúcho comemorou a vitória sobre o Palmeiras por 2 a 1, no Pacaembu, com um grande elogio à atuação da equipe. "O Grêmio gosta de ganhar, gosta da bola, de agredir, e tem, sim, o melhor futebol do Brasil, com resultado. Não ganhou em dois anos e meio seis títulos à toa. A gente respeita todo mundo. Agora, futebol bonito o Grêmio tem, sim. E o aproveitamento é sensacional", ressaltou.  

As duas equipes se encontram pela semifinal da Copa Libertadores em outubro. O encontro de ida será na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, e a volta está marcada para o Maracanã. Antes desses encontros, a equipe gaúcha terá a definição da vaga na final da Copa do Brasil, ao enfrentar o Athletico-PR, em Curitiba, para buscar a classificação.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.