Jorginho exalta elenco e paciência do Vasco após classificação

Equipe carioca venceu o Santa Cruz e passou de fase na Copa do Brasil

Estadão Conteúdo

21 de julho de 2016 | 09h38

O técnico Jorginho exaltou a força do elenco do Vasco após o time assegurar a passagem às oitavas de final da Copa do Brasil com a vitória por 3 a 2 sobre o Santa Cruz, na noite de quarta-feira, no Arruda. O treinador destacou a atuação destacada de jogadores pouco badalados do elenco como Evander e Yago Pikachu, autor do segundo gol do time no duelo, que ajudaram a equipe a superar a ausência de destaques vascaínos, como Nenê e Luan.

"Os jogadores mostraram muita confiança. Evander foi muito bem, o Yago Pikachu teve uma ótima finalização no gol. É um jogador destemido. Característica ofensiva. Falei pra eles que era um jogo de xadrez, não poderíamos nos desesperar. Tivemos a paciência necessária até que fizemos o primeiro gol. Conseguimos fazer um excelente segundo tempo. Jogadores que entraram deram conta do recado. Nesse jogo perdemos dois jogadores importantíssimos: Nenê e Luan, jogador de seleção.A equipe atuou em um bom nível", afirmou.

Após só empatar por 1 a 1 em São Januário, o Vasco precisava de um resultado positivo fora de casa para avançar na Copa do Brasil, mas os gols do triunfo sobre o Santa Cruz só foram marcados na etapa final. Após o duelo, Jorginho destacou a paciência exibida pelo time para construir o placar favorável, além de elogiar a atuação da sua equipe no segundo tempo.

"Tivemos a paciência necessária, fizemos um excelente segundo tempo, muito bem organizado, com força e velocidade. Os jogadores que entraram deram conta do recado. Principalmente em um jogo que estávamos sem o Nenê, que é um jogador importantíssimo para nós", disse.

Garantido nas oitavas de final, o Vasco vai conhecer o seu próximo adversário na Copa do Brasil através de sorteio. O próximo compromisso do time será pela Série B. Líder com 32 pontos, o time receberá no sábado o Bragantino, em São Januário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.