Jorginho faz mistério no Figueirense para jogo em casa

Envolto em mistérios e considerando o fator surpresa como diferencial para voltar a vencer no Campeonato Brasileiro, o técnico Jorginho pouco adiantou em relação ao time do Figueirense que entrará em campo para enfrentar o Internacional, nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela 25.ª rodada.

JÚLIO CASTRO, Agência Estado

21 de setembro de 2011 | 07h43

Suas dúvidas estão concentradas no meio de campo e ataque. "Tenho vários jogadores para ocupar algumas posições e somente amanhã (quarta) terei como definir quem entra", esquivou-se o treinador do Figueirense.

Pela situação, Jorginho fará pelo menos três mudanças. Estão previstas as entradas do volante Ygor e do lateral-esquerdo Juninho, que cumpriram suspensão automática no empate diante do Atlético Paranaense no último domingo. A grande dúvida é quem será o companheiro de ataque de Júlio César. Com Wellington Nem suspenso, a lista de prováveis ocupantes da vaga passa por Somália, Héber e Rhayner.

Além de preocupar-se com o eficiente ataque do Internacional - o mais positivo do campeonato -, liderado por Leandro Damião, disciplinarmente o Figueirense terá que se conter no decorrer da partida para não comprometer estruturalmente o time que na próxima rodada enfrentará o Santos. É que oito jogadores estão pendurados com o segundo cartão amarelo. São eles: os atacantes Rhayner e Aloísio, o lateral-direito Bruno, os volantes Coutinho e Jonatas, o zagueiro João Paulo e os meias Pittoni e Maicon.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.