Emilia Morenatti/ EPA
Emilia Morenatti/ EPA

Jornal lista 20 atletas superestimados do futebol recente

Periódico inglês The Telegraph cria polêmica com ranking

O Estado de S. Paulo

21 de abril de 2015 | 16h44

O jornal inglês The Telegraph publicou recentemente um ranking com os 20 jogadores mais superestimados do futebol nos últimos anos. Integram a lista atletas que atuaram na Europa desde a década de 1980.

Entre os jogadores lembrados figuram quatro brasileiros, Denílson, Adriano, David Luiz e Robinho. Segundo o jornal, nenhum deles conseguiu responder às expectativas de suas caras contratações e salários.

Também integram índice os ingleses Wayne Rooney (Manchester United) e Steven Gerrard (Liverpool), os italianos Roberto Baggio e Mario Balotelli (Liverpool), os colombianos Carlos Valderrama, Faustino Asprilla e Falcão Garcia (Manchester United) e o sueco Zlatan Ibrahimovic (Paris Saint-Germain).

Nos comentários da publicação é difícil achar alguém que tenha concordado com a lista. Muitos reclamam da ausência de alguns jogadores, como David Beckham, por exemplo. Outros questionam a presença de alguns atletas no ranking. Os mais defendidos são Wesley Sneijder, Ibrahimovic e Gerrard.

OS 20 SUPERESTIMADOS

1. Mario Balotelli-ITA (Liverpool)

2. Robinho (Santos)

3. Radamel Falcao-COL (Manchester United)

4. Zlatan Ibrahimovic-SUE (Paris Saint-Grmain)

5. Faustino Asprilla-COL

6. David Luiz (Paris Saint-Germain)

7. Ezeguiel Lavezzi-AGR (Paris Saint-Germain)

8. Wesley Sneijder-HOL (Galatasaray)

9. Sergio Ramos-ESP (Real Madrid)

10. Jack Wilshere-ING (Arsenal)

11. Steven Gerrard-ING (Liverpool)

12. Roberto Baggio-ITA

13. Adriano

14. Wayne Rooney-ING (Manchester United)

15. David Ginola-FRA

16. Denilson

17. Florent Malouda-FRA

18. Nicolas Anelka-FRA

19. Carlos Valderrama-COL

20. Georgi Kinkladze-GEO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.