Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Jornalistas da Globo são velados no Rio de Janeiro

Sede do Botafogo recebeu profissionais da imprensa mortos na tragédia da Chapecoense

Marcio Dolzan, O Estado de S. Paulo

03 de dezembro de 2016 | 14h08

Centenas de pessoas foram à sede do Botafogo, na zona sul do Rio, para o velório dos jornalistas Guilherme Marques, Guilherme Van der Lars e Ary Júnior, da Rede Globo, que morreram no acidente com o avião que levava a delegação da Chapecoense a Medellín, na última terça-feira. Os corpos chegaram a General Severiano por volta das 13h e serão velados ao longo da tarde.

Os caixões com os profissionais chegaram no aeroporto do Galeão às 4h da manhã, mas ficaram retidos no local por quatro horas devido a trâmites burocráticos. Na sequência, foram encaminhados a um laboratório da cidade, e somente depois disso foram liberados para o velório.

A chegada ao salão nobre do Botafogo foi acompanhada por três salvas de palmas. Além de familiares e amigos das vítimas, dezenas de jornalistas foram à sede do Botafogo para prestar uma última homenagem.

Os velórios dos jornalistas da FoxSports, por sua vez, foram adiados: o de Paulo Júlio Clement, que acontecerá na sede social do Fluminense, e Victorino Chermont, na do Flamengo, estavam previstos para esta tarde, mas foram transferidos para a manhã de domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.