Jornalistas em guerra contra a Fifa por restrições na Copa

A Copa da Alemanha começa só daqui a 4 meses e já causa polêmicas. Tudo pela atitude da Fifa em restringir a divulgação e utilização de fotos durante o torneio. A Associação Mundial de Jornais (AMJ), reforçada de outros órgãos de imprensa, resolveu contra-atacar e demonstrou seu descontentamento. Reclamaram para o governo alemão e políticos europeus e o assunto está sendo discutido. Resumidamente, a Fifa diz que os sites só estarão autorizados a divulgarem imagens dos jogos uma hora depois do fim, tendo limite a dez fotografias por jogo, mais quatro se tiver prorrogação. Além disso, os jornais não poderão colocar títulos e gráficos sobrepondo as fotos. A entidade que rege o futebol alega que com essas atitudes está protegendo os direitos de comercialização de imagens dos órgãos que os compraram. Já a AMJ considera isso restrição do trabalho de imprensa e um tipo de intervenção editorial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.