Joseph Blatter busca apoio da CSF

A presença do presidente da Fifa, Joseph Blatter, é a maior atração do 58º Congresso Anual da Confederação Sul-Americana de Futebol (CSF), que começa nesta quinta-feira, em Assunção, Paraguai. O encontro deverá apresentar definições sobre a Copa Libertadores, a realização do Torneio Pan-Americano em substituição à Copa Mercosul e a disputa da Copa América no Peru.Blatter foi ao Paraguai com um objetivo certo: o de receber apoio do presidente da CSF, Nicolás Leóz, à sua candidatura à reeleição como presidente da Fifa. A nova eleição será realizada durante a Copa da Coréia e do Japão. Se for vitorioso, Blatter permanecerá no comando do futebol mundial até 2006.Mas o dirigente da Fifa deverá sofrer algumas pressões, principalmente por parte do presidente da Associação Paraguaia, José Medina Sagalés, que vai tentar obter de Blatter a redução da suspensão por quatro jogos do goleiro Chilavert. O jogador foi punido por cuspir no lateral brasileiro Roberto Carlos em partida das Eliminatórias.Outro assunto importante será a definição da realização do Torneio Pan-Americano em substituição à Copa Mercosul. Se aprovada, a competição será realizada a partir do próximo semestre. A CSF, que já definiu a redução em 30% das cotas de TV da Libertadores, espera receber na reunião a garantia bancária do pagamento das cotas da 1ª fase da competição por parte das empresas Torneios y Competências e Traffic.

Agencia Estado,

30 de janeiro de 2002 | 17h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.