Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Juan lamenta vice da Sul-Americana: 'Perder o título em casa é difícil'

Flamengo perde taça para o Independiente após empate por 1 a 1 no Maracanã

Estadão Conteúdo

14 de dezembro de 2017 | 00h18

"Perder o título em casa é difícil". Foi assim que o zagueiro Juan, um dos jogadores do Flamengo mais identificados com a torcida resumiu o peso para o time de não ter conseguido se tornar campeão da Copa Sul-Americana na noite desta quarta-feira, quando não foi além de um empate por 1 a 1 com o Independiente, que levou a taça, pois havia triunfado por 2 a 1 na Argentina, na semana passada.

+ TEMPO REAL - Flamengo 1 x 1 Independiente

+ Antero Greco - Argentinos festejam em nossa casa

Com 18 anos a menos do que Juan, o meia Lucas Paquetá, de 20, também exibiu a mesma decepção do veterano. O jovem, aliás, foi a surpresa no time titular do Flamengo, fazendo Reinaldo Rueda deixar o badalado Everton Ribeiro no banco de reservas. E ele fez valer a aposta do treinador ao marcar o gol da equipe na partida. Mas sem conseguir conquistar o objetivo, chorou ao fim do jogo.

"Dói bastante. A torcida veio, faz essa festa, apoiou até o final, mas as coisas não aconteceram. Mais uma final que a gente batalhou e o título não veio. É tirar de aprendizado para conquistar títulos e fazer a alegria dessa nação em 2018", lamentou, em entrevista ao SporTV.

Na avaliação do zagueiro Réver, faltou tranquilidade ao Flamengo para conquistar o título da Sul-Americana. Ele lembrou que o time abriu o placar nos dois jogos da final, mas acabou não conseguindo sustentar a vantagem.

+ Vice do Fla deixa Vasco na fase preliminar e Atlético-MG fora da Libertadores 

+ Polícia Civil solta 49 torcedores do Flamengo detidos por distúrbio

"A gente fez o gol, mas logo em seguida sofreu o empate em um lance que gerou dúvida e consulta ao árbitro de vídeo. Faltou tranquilidade aqui e na Argentina, segurar o jogo, controlar a posse de bola. Pecamos e não conseguimos. É frustrante não conseguir. Ficamos no meio do caminho", disse.

Após ver o time cair na decisão da Copa do Brasil para o Cruzeiro, Réver lamentou o novo vice-campeonato do Flamengo. "Teria sido um ano bom se tivéssemos conseguido esse dois títulos", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.