Juan quer Flamengo ofensivo contra o Corinthians

Apesar da vantagem de jogar pelo empate no Pacaembu, o lateral-esquerdo Juan pediu uma postura ofensiva do Flamengo diante do Corinthians, na próxima quarta-feira. Se marcar mais um gol, o time carioca vai obrigar os donos da casa a fazer pelo menos três gols para avançar às quartas de final da Copa Libertadores.

AE, Agência Estado

30 de abril de 2010 | 22h43

"Não podemos relaxar e pensar em defender apenas. Temos que manter o máximo possível da posse de bola no campo deles, e, se tivermos chances, fazer gols. Se marcarmos, nossa vantagem aumenta e sabemos disso", pregou o lateral.

Juan, porém, tem consciência de que o Flamengo vai sofrer forte pressão do Corinthians desde os primeiros minutos da partida. Para evitar surpresas, ele pediu que o time jogue com inteligência.

"Claro que é preciso jogar com inteligência, saber controlar a partida. Tudo depende das circunstâncias do jogo, mas sabemos que vamos sofrer bastante pressão e temos que estar preparados para qualquer coisa", declarou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa LibertadoresFlamengoJuan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.