Alan Mendes/saopaulofc.net
Alan Mendes/saopaulofc.net

Juanfran aprova ideia de Fernando Diniz, mas admite: 'É complicada'

Lateral-direito espanhol avalia estilo de jogo do treinador do São Paulo e pede: 'A torcida precisa estar com a gente'

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de setembro de 2019 | 16h36

O lateral-direito Juanfran defendeu a ideia de jogo que o técnico Fernando Diniz deseja implantar no São Paulo. O espanhol, porém, admitiu que é "complicada". Diniz foi contratado na noite da última quinta-feira pelo clube tricolor, após o pedido de demissão de Cuca.

"É uma troca que temos que fazer todos juntos, não só o Fernando. Cada um tem que mudar sua forma de jogo. Ele não é o único responsável, tem também os jogadores. Temos que ir dentro de nós e sabemos que cada um tem que dar o melhor para quem sabe no fim do campeonato o São Paulo ficar acima. Pela história, pelo elenco e pelo clube que é, temos que fazer muito mais. A torcida precisa estar com a gente", disse Juanfran.

"Ele tem uma ideia que muitos querem fazer, mas é complicada, porque os jogos são diferentes, os jogadores... Tem que ter um equilíbrio. O mais importante para ele e para nós é que a torcida esteja orgulhosa do nosso trabalho. Temos que crer em sua ideia de jogo e no seu trabalho", acrescentou o lateral.

Fernando Diniz comandou apenas um treino antes de sua estreia no comando da equipe: na sexta-feira, véspera do empate sem gols com o Flamengo, no Maracanã. Agora, o técnico terá a semana cheia para preparar o time para o confronto com o Fortaleza, no sábado.

Com apenas quatro vitórias como mandante neste Campeonato Brasileiro, Juanfran quer melhorar o retrospecto. O time ainda teve seis empates e uma derrota. O jogo contra o Fortaleza será no Pacaembu, porque o Morumbi receberá show da banda Iron Maiden.

"Agora temos um novo treinador, todos temos que estar com ele, com sua ideia de jogo. Ele está transmitindo boa sensação a todos, pela sua ideia de jogo. Estamos contentes com ele. Dentro da ideia de jogo, a tática, o futebol se dá muito pela coragem, pelo coração. Com esse novo treinador, temos que tirar de todo o time para melhorar, principalmente dentro de casa, que perdemos muitos pontos", afirmou Juanfran.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.