Rubens Chiri|saopaulofc.net
Rubens Chiri|saopaulofc.net

Jucilei ganha ritmo e recebe elogios do técnico Rogério Ceni no São Paulo

Volante tem ótima atuação contra o Linense e espero render ainda mais

Nathalia Garcia e Paulo Favero, O Estado de S. Paulo

04 de abril de 2017 | 07h03

Elogiado por Rogério Ceni, o volante Jucilei finalmente dominou o meio de campo do São Paulo. Desde que chegou ao clube, ele emagreceu quatro quilos e diante do Linense teve sua melhor atuação pela equipe. Tanto que ajudou o time a ficar a segunda partida seguida sem sofrer gol, o que vinha sendo um problema na temporada. "Foi a melhor partida dele desde que chegou", elogiou Ceni.

Jucilei estava no futebol chinês e, desde que acabou a temporada no país asiático, vinha treinando por conta própria em São Gonçalo, esperando a transferência para o São Paulo ser oficializada. Só que mesmo em forma, sabia que a falta de ritmo pesaria para ter boas atuações logo de cara. Agora, ele espera render ainda mais no time.

"Criamos várias oportunidades de gol contra o Linense, não concluímos muito no primeiro tempo, mas tivemos um alto volume de posse de bola. Foi importante ficar com a bola, demonstramos que temos paciência para achar o espaço e para fazer os gols" afirmou Jucilei, que ainda não sabe se será titular contra o Defensa y Justicia, na quarta-feira.

Para Ceni, tanto ele quanto João Schmidt podem dar conta do recado. "Houve uma evolução física do Jucilei. Ele treinou durante duas ou três semanas, não jogou no meio de semana para treinar mais e, neste domingo, fez uma partida bem acima do que vinha realizando nos outros jogos. Ele e o João Schmidt estão jogando muito bem nessa função", afirmou o treinador.

O comandante do São Paulo sabe que em poucos meses não terá Schmidt, cujo contrato termina no fim de junho. O jogador já está acertado com o futebol europeu. "Eu procuro rodar os dois para introduzir cada vez mais o Jucilei no time titular, já que em três meses o João provavelmente nos deixará rumo à Europa. Por isso tento colocá-lo um jogo sim, outro não, para ele ganhar a condição ideal até o Campeonato Brasileiro", explicou Ceni.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.