Juiz autoriza venda do Mallorca a empresário inglês

O Juizado Mercantil número 1 de Palma de Mallorca autorizou nesta terça-feira, a venda de 91,24% do capital social do clube de futebol Mallorca ao empresário britânico Paul Davidson, anunciou em comunicado o Tribunal Superior de Justiça das Ilhas Baleares (TSJIB).  Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão A decisão do juiz responde ao pedido apresentado em 30 de setembro perante este juizado para a venda do Mallorca - clube administrado pela empresa Binipuntiró SLU - e incluído no concurso de credores (moratória) lançado em junho pelo empresário Vicente Grande. Segundo diversas fontes, a venda da maior parte do capital do Mallorca será concretizada a um preço superior aos 40 milhões de euros, fazendo com que o clube passe a ser controlado por um empresário estrangeiro pela primeira vez em sua história.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.