Julgamento do Paulista fica para o dia 29

A Federação Paulista de Futebol marcou a próxima segunda-feira, dia 29 de março, o julgamento do Paulista, que pode perder o mando de campo por causa dos incidentes no estádio Jaime Cintra, ocorridos domingo, no jogo contra a Ponte Preta.Dois dias antes do julgamento, no entanto, o Paulista entra em campo para enfrentar o Palmeiras no primeiro jogo das semifinais do Paulistão, no Palestra Itália. E, caso seja punido, não poderia fazer a partida de volta, dia 4 de abril, no Jaime Cintra. Tudo por causa das brigas de torcida fora do estádio em Jundiaí, além do fato de um jogador da Ponte ter sido atingido por uma pedra lançada da arquibancada.Apesar dos incidentes, a diretoria do Paulista acredita que não perderá o mando de campo. E aposta no bom retrospecto nos jogos em casa para superar o Palmeiras na semifinal do campeonato.Neste campeonato, o Paulista jogou 6 vezes no Jaime Cintra, com quatro vitórias e dois empates. A melhor apresentação aconteceu contra o Santos, na goleada por 4 a 0, ainda na primeira fase.O único problema é que o Paulista também enfrentou o Palmeiras na primeira fase do campeonato, em jogo no Palestra Itália. E levou a pior: perdeu por 5 a 2.

Agencia Estado,

22 de março de 2004 | 18h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.