Juliano é o novo reforço do Corinthians

O novo reforço do Corinthians para a Copa do Brasil chegou cercado de mistério. Ninguém sabe de quem foi a indicação para a contratação de Juliano, meia-armador de 26 anos, que disputou o Campeonato Paulista do ano passado pela Portuguesa Santista e depois se transferiu para o futebol boliviano. "É uma longa história", desconversa o diretor-técnico Roberto Rivellino, que nega ser o autor da indicação. Na verdade, Juliano chegou ao Parque São Jorge em dezembro, juntamente com Rincón, Rodrigo, Adrianinho, etc. No começo do ano foi reemprestado ao Anapolina e voltou um mês depois, sofrendo de tendinite. Fez tratamento, se recuperou e nesta terça-feira treinou pela primeira vez no Corinthians após a sua volta. De acordo com Rivellino, que não lembra de ter visto Juliano jogar, é uma tentativa a mais do clube. Visivelmente constrangido, o dirigente não quis bater de frente com quem indicou o meia. "Pois é, às vezes você traz um jogador de nome que não dá certo. Quem sabe um jogador desconhecido não pode surpreender? Vamos esperar. O Oswaldo ficou de observá-lo." O técnico Oswaldo de Oliveira já disse que o time vai precisar de outros reforços. Não quis falar de nenhum nome, muito menos de Rivaldo, que se desligou do Cruzeiro. "Nunca falo de nomes nem de posições porque isso acaba interferindo no jogador que vem e nos que estão aqui. Só sei que o mercado do futebol, hoje, está assim: é a lei da oferta e da procura", disse o treinador.

Agencia Estado,

02 de março de 2004 | 23h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.