Julio Cesar vê Benfica como 'recomeço' na sua carreira

Goleiro que disputou a Copa do Mundo com a seleção brasileira é o novo reforço do clube português para a próxima temporada 

Estadão Conteúdo

20 de agosto de 2014 | 15h53

Embora tenha conseguido recuperar parte do prestígio na disputa da Copa do Mundo de 2014, na qual se destacou mesmo com o fato de o Brasil ter sido humilhado pela Alemanha nas semifinais, o goleiro Julio Cesar admitiu que atuar pelo Benfica será uma espécie de "recomeço" em sua carreira profissional.

Confirmado oficialmente na última terça-feira como novo reforço do clube português, o jogador volta a atuar por um grande clube do futebol mundial depois de ter passado pelo modesto Queens Park Rangers, com o qual chegou a cair para a segunda divisão inglesa, antes de ser emprestado ao Toronto FC, clube canadense que disputa a Major League Soccer (MLB), a liga norte-americana de futebol.

"Quando você muda de um clube para o outro, quando você muda de um país para o outro, quando você chega a um clube como o Benfica, é impossível não se sentir motivado. É como se estivesse recomeçando a minha carreira no Benfica", afirmou o atleta, em entrevista ao site oficial do clube português, publicada nesta quarta.

E Julio Cesar deixou claro que não vê o Benfica apenas como um retorno a uma grande vitrine do futebol mundial. Ele aposta que o clube é capaz de lutar por títulos expressivos nesta temporada do futebol europeu, assim como aposta que pode voltar a ser considerado o melhor ou um dos melhores goleiros do mundo, como aconteceu quando o brasileiro se consagrou com a camisa da Inter de Milão, pela qual foi campeão europeu e do mundo.

"Se eu não acreditasse que pudesse voltar ao topo, eu não estaria aqui. Uma das motivações que eu tenho é de reconquistar tudo aquilo que conquistei um dia. Quando você chega a um patamar desse, é muito difícil você se manter no topo, é normal você ter uma variação, estou em um clube que vai me dar totais condições para que eu possa disputar todos os prêmios individuais, que estão ligados aos prêmios coletivos", enfatizou Julio Cesar, que também disse ver o Benfica "em totais condições" de brigar pela taça da Liga dos Campeões nesta temporada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBenficaJulio Cesar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.