Rodrigo Coca / Ag. Corinthians
Rodrigo Coca / Ag. Corinthians

Júlio César visita o Corinthians e é elogiado por Cássio: 'Respeito muito'

Atual goleiro do Red Bull é o jogador que mais títulos conquistou pelo time alvinegro: nove no total

João Prata, O Estado de S.Paulo

27 de novembro de 2018 | 16h58

O Corinthians recebeu nesta terça-feira o jogador que mais voltas olímpicas deu pelo time: o goleiro Júlio César. Entre 2005 e 2014, período que esteve no profissional, ele contribuiu para a conquista de nove títulos.

Atualmente no Red Bull, Júlio César visitou o CT Joaquim Grava e posou para foto com o atual titular da posição do time alvinegro, Cássio. O capitão do Corinthians concedeu entrevista após o treino e falou sobre a relação de amizade com o ex-companheiro de clube.  

"Sobre o Júlio vou ficar só elogiando. É um cara do bem, batalhador. Um dos caras mais vitoriosos da história do Corinthians. Tenho admiração muito grande por ele. A gente mantém contato até hoje", disse. 

Cássio se tornou titular do Corinthians em 2012, substituindo o então titular Júlio César, que havia ganhado a posição em 2011, mas vinha sendo contestado. A gota d'água para ele perder a posição foram duas falhas na derrota para a Ponte Preta por 3 a 2 pelas quartas de final do Campeonato Paulista.

Os vacilos deram uma oportunidade para Cássio, que virou titular no duelo com o Emelec, do Equador, pelas oitavas da Libertadores. A partir daí, o atual camisa 12 foi evoluindo, contribuiu para a conquista da taça continental no mesmo ano, depois foi fundamental para levantar o título do Mundial de Clubes e agora está próximo de igualar o amigo. 

Cássio tem oito conquistas pelo Corinthians. Sobre o momento que ganhou a posição, ele fez questão de enaltecer o amigo. "Quando o Tite me colocou, ele continuou a mesma pessoa. É um cara que respeito muito", comentou.

O Corinthians faz o último jogo na temporada no domingo, às 17h, contra o Grêmio, em Porto Alegre. No dia 7 de dezembro ainda haverá uma partida saideira para os torcedores na Arena Corinthians, o jogo de despedida do atacante Emerson Sheik, do qual Júlio César e Cássio devem participar. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.