Jundiaí se agita para receber o Santos

Jundiaí se agita com os preparativos para o confronto entre Paulista e Santos, amanhã, no estádio Jaime Cintra. De um lado estará o vice-campeão brasileiro e líder isolado do grupo 2 do Campeonato Paulista (17 pontos), com Robinho, Diego e companhia; do outro, o modesto elenco comandado por Zetti, que surpreendentemente, ocupa a segunda posição da mesma chave, com 16 pontos.O presidente do Paulista, Eduardo Palhares, vai logo avisando: "A expectativa é muito grande, principalmente porque será um jogo que entrará para a história do clube. Afinal, o Santos é o melhor time do Brasil. Não é uma partida comum, e a cidade está apostando nesses garotos, já que 85% do elenco foi formado pelo Paulista."Uma vitória santista pode garantir o clube da Vila nas quartas-de-final do campeonato, desde que Santo André e São Caetano não vençam seus adversários. Os ingressos estão à venda desde sábado. A constante chuva do final de semana, porém, ainda não animou os torcedores. Pouco mais de 20% da carga de 15 mil bilhetes foi vendido nos dois primeiros dias. "A esperança é de casa cheia, mas, para termos uma boa renda, o tempo tem que estar seco. Também será bom para o jogo se parar de chover", afirma Palhares.Ontem, os jogadores fizeram um treino leve na academia do clube, apenas para manter o condicionamento físico. Hoje à tarde, Zetti comanda o único coletivo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.