Juninho diz que Vasco 'se desmorona' após levar gol

Juninho Pernambucano não escondeu a decepção ao comentar a derrota por 2 a 1 para o Vitória, sofrida pelo Vasco na noite da última quarta-feira, em São Januário, depois de time carioca ter saído na frente do placar no primeiro tempo e levado dois gols na etapa final. Ao comentar o fato, o meio-campista disse que o time vascaíno tem perdido o controle emocional quando sofre gols neste Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

19 de setembro de 2013 | 10h45

"Fica até difícil de falar depois que falei que o nosso primeiro tempo foi muito bom. A gente volta para o segundo tempo e não consegue manter o ritmo. Até os 30 minutos (da etapa final), acho o jogo era nosso, era apenas encaixar um contra-ataque, mas o time, quando está nessa situação (de levar gol), se desmorona muito rápido. O que resta de confiança se perde", lamentou o líder vascaíno, em entrevista ao SporTV.

A derrota para o Vitória manteve o Vasco na 17.ª posição, encabeçando a zona de rebaixamento do Brasileirão, sendo que o time comandado por Dorival Júnior corre o risco de ser ultrapassado pela Portuguesa na noite desta quinta-feira, quando a equipe paulista receberá o Náutico no Canindé.

Após o jogo contra o time baiano, a torcida vascaína protestou mais uma vez contra a equipe, chamada de "sem-vergonha" em coro em São Januário, mas Juninho encarou a insatisfação com naturalidade. "O time está na zona de rebaixamento. Como vou encarar? O torcedor mais uma vez hoje (quarta-feira) incentivou até o fim. Deixou para fazer protesto no final. Não tem como estar feliz hoje, com o Vasco correndo risco de ser rebaixado. Mas, se jogarmos como jogamos no primeiro tempo hoje, vamos sair dessa situação", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.