Juninho espera recuperação de Fabinho

Vampeta pode voltar a ser titular do Corinthians no jogo de domingo, às 18h, contra o Guarani, em Campinas. A chance de começar jogando apareceu no treinamento desta sexta-feira, no Parque São Jorge, quando o titular Fabinho sentiu uma forte dor nas costas (lombalgia) e teve de ser poupado. Vampeta treinou o tempo todo no time titular e saiu de campo com boas chances de voltar a vestir a camisa número 5.De sua parte, o técnico Juninho ainda não quis confirmar a escalação de Vampeta desta vez. Preferiu deixar a decisão para sábado, quando Fabinho deve ser reavaliado pelo departamento médico. Mas o treinador admitiu que Vampeta deve ser escalado se Fabinho não puder jogar."Vamos esperar até amanhã. Se o Fabinho estiver bem, ele joga. Se não, entra o Vampeta", revelou Juninho.Vampeta não quis conversar com os jornalistas nesta sexta-feira. Prometeu falar no sábado, depois do rachão, quando ficará sabendo se começará ou não jogando contra o Guarani. No coletivo de quinta-feira, treinou na reserva sem reclamar.O volante não joga como titular desde 30 de março, quando se machucou no primeiro jogo do Campeonato Brasileiro, contra o Atlético-MG, no Pacaembu. Ele passou sete meses se recuperando de uma grave lesão no ligamento cruzado do joelho direito. Chegou até a brigar com Juninho há três semanas, quando o técnico prometeu escalá-lo no segundo tempo do jogo contra o Goiás e não o colocou em campo. Revoltado, o jogador chegou a dizer que não jogaria mais pelo Corinthians em 2003. Só voltou atrás depois que o diretor-técnico Roberto Rivellino ameaçou rescindir o seu contrato.Depois disso, Vampeta e Juninho fizeram as pazes. O técnico colocou o volante para jogar no segundo tempo do amistoso com a seleção brasileira Sub-23, em São José do Rio Preto. O jogador ficou animado com o seu desempenho e passou, então, a brigar para recuperar a posição de titular.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.