Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Juninho estreia fora de posição e com Atlético-MG em fase conturbada

Zagueiro vai atuar como lateral-esquerdo contra o América-MG na quinta-feira

Estadão Conteúdo

04 Junho 2018 | 20h06

Em momento ruim da equipe e fora de sua posição original, o zagueiro Juninho fará a sua estreia com a camisa do Atlético Mineiro como lateral-esquerdo no clássico contra o América-MG, nesta quinta-feira, às 21 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 10.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

+ Após empate do Atlético-MG, Larghi admite falhas defensivas e reclama de árbitro

Para o jogador, a mudança de função "não atrapalha em nada". "Em todos os clubes que passei fiz jogos na lateral. Inclusive meu último jogo pelo Palmeiras foi nessa posição. É algo para acrescentar na minha carreira, fazendo uma nova função, em que mais para frente posso me sobressair e ajudar a equipe onde for. Clube grande, estreia, tem de estar feliz", disse o jogador nesta segunda-feira, em entrevista coletiva após o treinamento.

Na equipe mineira, o defensor vinha treinando como lateral-esquerdo, em preparação do técnico Thiago Larghi para eventualidades. "Tenho de fazer o que faço nos treinos. Tenho capacidade tanto para uma função quanto para outra. A única diferença é que pela ala tenho de apoiar o ataque. No mais, vou ajudar os companheiros na defesa, fazendo a linha de quatro, que é o que o professor vem pedindo".

O Atlético Mineiro entra na 10.ª rodada da competição na 10.ª posição, com 14 pontos. Não vence há três jogos. Nessas partidas, a defesa tomou seis gols. "Isso vai passar e a fase boa vai voltar", afirmou Juninho, confiante. "Temos de estar juntos em todos os momentos, não só nos bons. Nos difíceis, a equipe vai se sobressair. E jogador não tem que escolher momento de estrear", completou.

O volante Adilson, que volta ao time depois de cumprir suspensão, também falou sobre os resultados negativos das últimas rodadas, que tem deixado o torcedor preocupado.

"Nós conversamos e entendemos o que vem acontecendo. A questão não pé tanto do desempenho, mas é que temos deixado escapar as vitórias. Continuamos jogando bem, criando... Estamos fazendo os gols, mas acabamos vacilando. Temos de ter tranquilidade e confiança no que estamos fazendo e no que fizemos de bom. É questão de alguns ajustes apenas", destacou o atleta, que participará de mais um treinamento com Thiago Larghi nesta terça-feira.

Mais conteúdo sobre:
Atlético Mineiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.