Diego Vara/Reuters
Diego Vara/Reuters

Justiça proíbe torcida do Grêmio no Gre-Nal e suspende organizada após invasão de campo

Decisão do Ministério Público do Rio Grande do Sul é consequência da invasão de campo após a derrota por 3 a 1 para o Palmeiras no último domingo. Clube já havia sido punido de maneira semelhante pelo STJD

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de novembro de 2021 | 09h11

Lutando contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Grêmio sofreu mais uma derrota fora de campo. Após o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) impedir que o clube tenha torcida em seus jogos como mandante no Brasileirão, foi a vez de o Juizado do Torcedor e Grandes Eventos do Ministério Público do Rio Grande do Sul proibir a presença de tricolores no clássico com o Internacional, que será realizado sábado, no Beira-Rio. A decisão é consequência da invasão de campo após a derrota da equipe por 3 a 1 para o Palmeiras, em casa, no último domingo. 

"Não tenho dúvidas ao afirmar que os benefícios, limitados à possibilidade de estar no estádio, e assistir ao jogo, não compensam o risco a que pessoas inocentes poderão se ver submetidas", argumentou o juiz Marco Aurélio Martins Xavier. "Não é fato que justifique a liberação desse acesso, que só nos prenuncia o agravamento de rivalidades doentias, provocações e grande possibilidade de novos atos de violência", completou. 

Na decisão, o magistrado também suspendeu a participação de todas as torcidas organizadas do Grêmio em dias de jogos do clube pelo prazo de 180 dias. Xavier também determinou o fechamento do setor Norte da Arena, onde saíram os torcedores que depredaram a cabine do VAR e tentaram invadir o túnel que dá acesso aos vestiários ao fim do revés diante do Palmeiras. 

No caso da punição do STJD, ainda não há data para o julgamento do clube na Corte Desportiva e a equipe seguirá mandando seus jogos sem torcida até lá. Dependendo da decisão, as partidas disputadas sem público para cumprir a liminar podem entrar na conta da punição. O Grêmio ainda pode recorrer. Isso também afasta os planos do clube de melhorar sua arrecadação com a presença do público. As rendas voltaram a ser uma boa receita no futebol. 

REBAIXAMENTO

Dentro de campo, a situação do Grêmio continua delicada no Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira, o tricolor gaúcho foi derrotado por 2 a 1 pelo Atlético-MG, em Belo Horizonte, em jogo atrasado da 19ª rodada. Faltando dez jogos para o fim da competição, o time de Vagner Mancini está na penúltima colocação, com 26 pontos, sete atrás do Bahia, primeira equipe fora do Z-4. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.