Juventude e Ponte ficam no empate

Juventude e Ponte Preta empataram por 0 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Alfredo Jaconi, pelo Campeonato Brasileiro, apesar da superioridade do time gaúcho. A equipe da casa pressionou durante os 90 minutos, criou várias chances, mas falhou na hora de marcar o gol.O Juventude tomou a iniciativa e estabeleceu o domínio desde o começo. No primeiro tempo, criou poucas chances, mas obrigou o goleiro Lauro a fazer pelos menos três boas defesas. A Ponte concluiu pela primeira vez apenas aos 31 minutos, com Nenê. O goleiro Maurício, do time gaúcho, fez nesse lance a única defesa na partida.Na etapa final, a partida ganhou contornos dramáticos. Até os 10 minutos, o técnico Abel Braga fez as três substituições possíveis na Ponte, duas delas por lesões. Aos 14, o atacante Fabrício Carvalho sofreu uma lesão no nariz em disputa com Marcão. Sem condições de substituição, ele ficou 15 minutos fora do jogo, voltando com uma proteção para fazer número.Enquanto isso, o Juventude manteve a pressão. O técnico Raul Plassmann promoveu a estréia do atacante Leonardo Manzi. Mas o gol teimou em não sair. Numa das chances mais claras, aos 36 minutos, Luiz Carlos salvou quase dentro do gol, com Lauro batido. Aos 47, Rafael cobrou uma falta e Evandro mandou a bola de cabeça na trave.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.