Juventude quer para o campeão gaúcho

Embalado pela vitória por 4 a 1 sobreo Grêmio, na última rodada, o Juventude terá mais um clássicoestadual neste domingo, às 16 horas, no Estádio Alfredo Jaconi,em Caxias do Sul: desta vez, enfrenta o Inter, que naquinta-feira conquistou o título de campeão gaúcho de 2003. Esteserá o segundo jogo do time caxiense sob o comando do técnicointerino Raul Plassmann. Os dirigentes ainda procuram outrotécnico, mas, se o Juventude voltar a vencer, será difícil aretirada doex-comentarista do posto. Plassmann tem alguns problemas paraescalar o Juventude. Durante a semana, ele perdeu olateral-esquerdo Filipe Alvim e o volante Dionattan, que forampara o Acadêmica, de Portugal, e o também volante Fernando,negociado com o Siena, da Itália. Dionattan e Fernando,revelados nas categorias de base, renderam cerca de R$ 2 milhõesao clube, enquanto Alvin saiu por ter uma cláusula no contratoque facilitaria a rescisão, sem ressarcimento. Além dos que saíram, o volante Marcos Paulo torceu o tornozelodireito no treino de quinta-feira e dificilmente terá condiçõesde jogar. Para o seu lugar, a opção é Camazzola, que contra oGrêmio atuou na lateral direita. Assim, Mineiro, que era otitular, retorna ao time. Na próxima segunda-feira deve seapresentar o atacante Taílson, 27 anos, que estava no Braga, dePortugal. Os dirigentes pretende trazer mais um atacante, umlateral-direito e um volante.O Juventude deve jogar com Maurício; Mineiro, Índio, Maurício Fernandes eMarcão; Camazzola, Rodrigo Pontes, Marcelo e Luciano Ratinho;Hugo e Gustavo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.